Diário de Viagem: Serra do Cipó

sexta-feira, janeiro 16, 2015


Se tem algo que amamos fazer é viajar ! Não há nada melhor do que conhecer cada cantinho que este mundo tem a nos apresentar! Pensando nisso estreamos hoje uma nova série no blog: Diário de Viagem. A cada postagem você irão viajar junto com a gente para diversos lugares e poder compartilhar cada momento!

Nestas férias propomos a meta de estar mais em contato com a natureza, por isso escolhemos começar com um lugarzinho bem pertinho de Belo Horizonte: a Serra do Cipó. Vamos conferir?


A foto que ilustra a abertura da postagem foi tirada durante o nosso passeio, não há palavras para descrever tamanha beleza! Tudo começou com hospedagem no Hotel Cipó Veraneio, o mais tradicional hotel da Serra do Cipó, localizado às margens do Rio Cipó, oferecendo acesso privativo ao rio e um ambiente sossegado.


O restaurante oferece cardápio variado, com excelência no preparo, elegância na apresentação e exuberância no sabor. O bar da piscina prepara porções bem servidas, supervisionadas pelos chefs de cozinha do hotel.
 

Chegamos ao hotel no sábado de manhã (10 de janeiro) e curtimos cada detalhe que este lugar maravilhoso tinha para oferecer! Além de tudo a recepção foi maravilhosa, desde os atendentes até o diretor do hotel que nos recebeu e nos deu várias informações sobre os pontos de visitas da Serra.


Curtimos um sábado bem relax pois nosso planejamento era fazer trilha no domingo! Durante o noite o local foi dominado por músicas acolhedoras e relaxantes, aproveitamos para desligarmos totalmente e curtir apenas a beleza do local.


No domingo, pulamos da cama bem cedinho, para nos preparar fisicamente. Antes de pegar a trilha seguimos as recomendações do Wagner (diretor do Cipó Veraneio): café da manhã reforçado, roupas leves e confortáveis, muitas garrafinhas de água e bastante protetor solar.

Nos dirigimos ao Parque do Cipó, ponto de partida para as trilhas. Escolhemos seguir caminho a pé para a Cachoeira da Farofa, umas das mais bonitas de Minas Gerais.

A trilha corresponde a 8 km de ida e 8 km de volta (sim, 16 km de caminhada!), cansativo, porém vale cada km andado.  Após retornar, não podíamos deixar de aproveitar a comida mineira que os restaurantes da serra oferecem!


E vocês, já visitaram o local? Quem quiser conhecer o Cipó Veraneio, pode conferir pelo site clicando aqui. Já estamos planejando a próxima viagem e contaremos tudo por aqui! 


Você também vai gostar

0 comentários